quarta-feira, 5 de outubro de 2011

Gravidez aos 36 - Como Tudo Aconteceu




Nem arroz na cama, nem terapia... Decidimos ir a uma clínica de reprodução humana, mas estávamos com medo do preço do tratamento e, com mais medo ainda, de termos gêmeos ou trigêmeos. Mas decidimos marcar uma consulta, porque eu precisava me sentir mais segura. Não queria acreditar que a laparoscopia era a minha próxima alternativa.

Fomos à clínica no dia 30 de agosto, terça-feira. A médica, uma indiana (o clima zen me deixou tão calminha... achava que estava em uma aula de yoga =), olhou meu portfolio de exames e disse o que eu ouvia de todos os outros médico: está tudo dentro da normalidade. Entretanto, ela complementou dizendo que o fato de eu ter 36 anos contribui um pouco para ser mais difícil. Meus óvulos estão comigo desde que nasci, então eles também têm 36 anos. Ela então fez um ultrassom para vê-los de perto e me contou algo que eu não sabia e que nesses 2 anos e meio nenhum médico me disse! Ela falou que eu estava ovulando apenas no ovário direito, mas que isso também não era nenhum impedimento, só tornava as coisas um pouco mais difíceis. Através desse mesmo ultrassom, ela comentou, um pouco antes de nos despedirmos, que eu estaria ovulando entre sexta (02/09/2011, show do Ramones, banda cover de Beto, na Groove) e sábado dia 03.

Ela também passou vitamina C e um polivitamínico para Beto e pediu que voltássemos dentro de dois meses. Seguimos direitinho a prescrição médica. Passamos logo na farmácia e gastamos uma grana com as vitaminas. E como namorar nos dias 2 e 3 também fazia parte da prescrição médica, namoramos! E antes do show! Só pra garantir, porque podíamos voltar bêbados e cansados!

E foi assim que tudo aconteceu... Sem nenhum tratamento com risco de ter gêmeos ou de ser fora do nosso orçamento. A fecundação deve ter ocorrido entre 2 e 3 de setembro, mas é muito difícil saber exatamente o dia em que o espermatozóide se uniu ao óvulo, formando um ovinho =) E então? Esse bebê é ou não é rock'n'roll?

Nenhum comentário: