segunda-feira, 3 de outubro de 2011

Gravidez aos 36 - Terapia

Não teve arroz na cama certo... O jeito foi conversar mais sobre o assunto em terapia, onde aprendemos a dar voz aos nossos “sims” e “nãos” e a mostrar o nosso eu inferior sem medo. Então, não se assustem com o meu. De qualquer forma, mesmo que a minha lista de "nãos" tenha sido maior, o amor sempre fala mais alto e fazer essa lista, na época, me ajudou a relaxar mais.  Eu a escrevi logo após uma das minhas sessões de terapia, e em estilo brainstorming, ou seja, sem parar muito pra pensar...

Quero muito ter um filho,
Tenho medo de ter um filho,
1. porque será um pedacinho meu e de Beto;
1. porque acho que não teria dinheiro suficiente;
2. porque eu e Beto nos amamos muito;
2. porque precisaria fazer uma reforma na casa e sairia caro;
3. para dar mais um neto aos nossos pais;
3. porque precisaria de uma babá e está muito difícil encontrar alguém de confiança;
4. para dar um irmãozinho à Thi;
4. porque tenho medo que Beto não vá me ajudar e sobre tudo pra mim;
5. para experimentar uma família completa (pai, mãe e filhos)
5. porque acho que eu e Beto pensamos diferente e vamos discordar de alguns pontos sobre a sua educação e isso pode gerar brigas;
6. porque eu fui uma ótima mãe para Thiago e sei que seria para meu próximo filho;
6. porque o planeta está sendo destruído e há uma superpopulação;
7. porque eu e Beto somos pessoas boas e nosso filho também será e o mundo precisa disso;
7. porque minha mãe disse que se aposentou de netos e reformas;
8. porque eu sei que vou cuidar e dar muito amor e o mundo também precisa muito disso;
8. porque tenho medo da hora de parir e da injeção peridural;
9. porque eu amo as transformações que acontecem com o nosso corpo na gravidez;
9. porque tenho medo que ele não nasça perfeito;
10. porque eu nunca vou me sentir sozinha (pelo menos durante nove meses);

10. porque tenho medo dele ter alergias ou outras doenças;
11. porque eu amo bebês!!
11. porque não tenho mais 22 anos;

12. porque eu vou levar um bebê comigo para onde quer que vá e ele nunca vai chorar, já que ainda estará na minha barriga =)
12. porque se surgisse uma viagem e eu estivesse de barrigão, não ia poder ir; 

13. para dar um filho à Beto;
13. porque tenho medo da amamentação doer (não tive uma experiência muito boa com Thiago, tive mastite);
14. ...
14. ...



2 comentários:

Cris disse...

O seu motivo 8 para nao ter um filho é meu motivo núemro 1. Esse, e a memória do grito que você deu quando Thiago nasceu... ui.

silvia disse...

amiga, não publica esse: o eu é o interior, e não o inferior... até porque o seu eu é enorme de beleza, de carinho e de generosidade! de inferior não tem nada! =)