quinta-feira, 2 de fevereiro de 2012

Gravidez aos 36 - Visita à Maternidade


Recentemente consegui cortar mais um item da minha lista: visitar a maternidade onde Ícaro irá nascer - a Maternidade Santamaria do Hospital Português.

A escolha do Hospital foi simples: foi meu médico quem sugeriu =). Eu acredito que os pais devem escolher um médico que compartilhe suas crenças sobre o parto e, uma vez escolhido, cabe a ele escolher o Hospital. Porque quem sou eu para dizer qual o melhor? As pessoas falam bem e mal de um mesmo hospital, cada uma com sua experiência. Mas é o médico quem precisa sentir-se à vontade com a equipe e, se existe uma relação de confiança, quero que a decisão seja dele (e do meu plano de saúde, é claro).

Então o meu médico sugeriu o Português ou o Aliança, mas quando ele descreveu a sala de trabalho de parto com banheira e bola de Pilates para aliviar as dores das contrações da Maternidade Santamaria (Hospital Português), eu fiz a minha escolha =)

Esta foi uma visita importante. Primeiro porque traçamos a nossa rota casa–maternidade e escolhemos o melhor caminho (se é que eu vou estar em casa no dia...). Quer dizer, poderíamos ter escolhido se Beto não tivesse confundido o Hospital Português (Av. Princesa Isabel) com o Espanhol (Av. Sete de Setembro)!! E eu passei o caminho todo sugerindo uma rota mais curta e sem entender as opções que ele fazia... Estão vendo como esta visita é importante???

E depois porque ficamos mais familiarizados com as instalações e já sabemos para onde devemos nos dirigir no dia. Conhecemos o quarto onde ficarei me recuperando (achei o do H. Aliança mais aconchegante e o sofá do acompanhante maior, mas... tem outras coisas mais importantes), o berçário, a sala do parto cirúrgico (a do parto normal infelizmente não deu para ver... e eu estava ansiosa por isso, mas já haviam me avisado que eles não mostram, mas só queria dar uma espiadinha, não precisava entrar...) e o lugar que Beto mais gostou: o terraço. E não foi por causa da vista maravilhosa do mar, mas porque a enfermeira Eliene (gostei dela, espero que esteja de plantão no dia em que Ícaro resolver nascer), disse que ele podia trazer cerveja para comemorar com os amigos lá em cima =)

Agora só precisamos voltar em março para fazer o curso sobre o parto e cuidados com o recém-nascido (são duas manhãs), pois já nos informamos sobre o que trazer no dia, onde estacionar e o que precisa para o internamento (check, check, check!!!).

Nenhum comentário: